Artigo

Erro médico – o laudo pericial e a decisão judicial

Saúde, Ética & Justiça, Vol. 19, No. 1, 21-25


Camila Lúcia Dedivitis Tiossi Wild

Sinopse:


Considera-se como erro médico toda e qualquer falha ocorrida durante a prestação da assistência à saúde que tenha causado algum tipo de dano ao paciente. o objetivo do trabalho foi avaliar perícias médicas judiciais em erro médico, correlacionar o laudo pericial e sua influência na decisão judicial. analisamos 30 perícias realizadas no instituto de medicina social e criminologia do estado de são paulo (imesc) entre janeiro e abril de 2010. o estudo foi realizado em janeiro de 2013. o laudo pericial conseguiu determinar relação de nexo causal entre o atendimento médico e o dano ao periciando em 8 casos, sendo constatada alguma irregularidade no ato médico (mau atendimento médico). treze processos já haviam sido julgados em 1ª instância, sendo 10 considerados improcedentes. o laudo pericial foi acatado pelo juiz em 85% (11 casos) das decisões judiciais, mostrando que na maioria dos casos é ele que norteia o julgamento.

Palavras-chave:


Ficha técnica

Título: Erro médico – o laudo pericial e a decisão judicial

Autor(es): Camila Lúcia Dedivitis Tiossi Wild

Páginas: 5

Copyright (revista): CC Outro

Decisão