Artigo

A Inconstitucionalidade do Parcelamento do Solo no Brasil e a Necessidade de uma Relação Ética Com a Natureza

Revista Direito Ambiental e Sociedade, Vol. 5, No. 1


Adir Ubaldo Rech

Sinopse:


A relação antropocêntrica do homem com o meio ambiente,que autoriza a devastar tudo em nome da urbanização e da ocupaçãohumana é a causa da degradação ambiental e humana das cidades.além disso, a lei federal do parcelamento do solo é inconstitucional,pois não cumpre o que dispõe o art. 225 da constituição federal de1988. há a necessidade de uma mudança cultural para a construção deuma racionalidade ambiental e garantir a sustentabilidade.

Ficha técnica

Título: A Inconstitucionalidade do Parcelamento do Solo no Brasil e a Necessidade de uma Relação Ética Com a Natureza

Outras informações: Revista Direito Ambiental e Sociedade, Vol. 5, No. 1

Autor(es): Adir Ubaldo Rech

Copyright (revista): CC BY

Decisão